Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Vencedores do concurso ‘Garoto e Garota da Favela’ ganham ensaio fotográfico no Vidigal; Veja as fotos

Joel Silva e Rihtiely Nolasco foram vencedores da edição de julho de 2023
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque

O Voz das Comunidades realizou mais uma edição do concurso “Garoto e Garota da Favela”. A edição do mês de julho, coroou Joel Silva e Rithiely Nolasco como os vencedores de sua edição na favela do Vidigal. Eles foram presenteados com um ensaio fotográfico profissional e vestiram roupas fornecidas pela loja Freedom Multimarcas, que está localizada no Complexo do Alemão. Confira o ensaio dos nossos vencedores.

Joel Silva

Com 149 votos, Joel Silva, de 21 anos, disse: ‘Uma experiência nova de um mundo novo, onde tenho muito o que conhecer. Mas o pouco que conheci foi suficiente para despertar uma vontade maior de fazer parte!’

Foto: igor Albuquerque

Rithiely Nolasco

Com 286 votos, Rithiely Nolasco, de 25 anos, disse: ‘Minha experiência foi única, uma sensação de potência e de um grande início, início de realizações… onde vejo que sou capaz de realizar tudo o que sonho e desejo, pois a favela é potente e eu posso provar isso.’

Foto: igor Albuquerque

Confira fotos dos ganhadores:

Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque
Foto: igor Albuquerque

Produção do concurso: Juliana Henrik

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]