Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Mês da Juventude: JUVRio promete atividades de cultura e qualificação em agosto

Mês de agosto está repleto de atividades para a juventude carioca
Foto: Laryssa Lomenha / JUVRio
Foto: Laryssa Lomenha / JUVRio

A Secretaria Especial da Juventude Carioca (JUVRio) anunciou uma programação diversificada de cultura, lazer, ensino e qualificação gratuita para celebrar o Mês da Juventude. O evento tem como objetivo homenagear a maior população de 15 a 29 anos que o Rio de Janeiro já teve em toda a sua história, somando mais de 1,5 milhão de jovens residentes na capital, segundo dados do IBGE.

A abertura oficial do Mês da Juventude ocorrerá no dia 4 de agosto, às 18h, no Museu de Arte do Rio, no Centro. O evento contará com a presença de autoridades públicas e representantes de instituições internacionais, como a Unesco, para debater os 10 anos do Estatuto da Juventude, criado pela Lei 12.852 em 5 de agosto de 2013. Esse estatuto dispõe sobre os direitos dos jovens e estabelece princípios e diretrizes para as políticas públicas voltadas a esse grupo e para o Sistema Nacional de Juventude.

No dia 11 de agosto, das 9h às 14h, será realizado um aulão preparatório do Encceja, em parceria com o programa “Chegou a Minha Vez” e a plataforma de ensino online Descomplica. Essa iniciativa visa beneficiar até 20 mil jovens cariocas com acesso gratuito a uma plataforma de preparação para o exame nacional voltado à certificação no ensino médio.

Para comemorar o Dia Internacional da Juventude, estabelecido pela ONU no dia 12 de agosto, a JUVRio preparou uma série de ações sociais em três territórios cariocas que já possuem Espaços da Juventude: Estácio, Cidade de Deus e Vargem Pequena. Nessas comunidades, das 9h às 15h, os moradores terão acesso a diversas atividades sociais voltadas para o desenvolvimento das comunidades locais.

No dia 16 de agosto, um grupo de jovens cariocas terá a oportunidade de participar de uma atividade especial no Cristo Redentor, uma das sete Maravilhas do Mundo Moderno. O projeto “Nosso Rio” promoverá uma visita ao cartão-postal, proporcionando momentos únicos de convívio e conhecimento.

Ainda no contexto das comemorações do Mês da Juventude, no dia 17 de agosto, será inaugurada a Casa da Juventude do Morro dos Macacos, na zona norte. Essa unidade oferecerá cursos de capacitação e orientação pessoal e profissional em diversas áreas, como tecnologia, alimentos e bebidas, turismo e estética, visando estimular o desenvolvimento de habilidades e competências para ingresso no mundo do trabalho.

No dia 19 de agosto, cerca de 450 jovens de diversas comunidades cariocas concluirão os cursos “Papo de Futuro” e “Fala, Juventude!” do programa Emprega JUV. A cerimônia de formatura ocorrerá no Salão Nobre da UFRJ, na Praia Vermelha.

Encerrando as atividades do Mês da Juventude, no dia 20 de agosto, será inaugurado mais um Espaço da Juventude, em Madureira, próximo ao BRT Otaviano. O local será um polo de qualificação nas áreas de tecnologia e inovação, buscando preparar os jovens da região para os desafios do mercado de trabalho.

O Mês da Juventude culminará com o Feirão de Oportunidades na Praça Mauá, no dia 26 de agosto. Diversas secretarias da Prefeitura, em parceria com o Sesc e outros parceiros, oferecerão serviços gratuitos e atividades culturais para a população, incluindo vagas para cursos, empregos e estágios, aulões de dança e aeróbica, além de apresentações de DJs e grupos musicais.

O Mês da Juventude promete trazer muitas oportunidades e atividades enriquecedoras para a juventude carioca, reafirmando o compromisso com o desenvolvimento e o empoderamento dessa importante parcela da população.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]