Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Projeto social em Manguinhos busca parceiros para realizar colônia de férias; saiba como ajudar

A iniciativa do Craques do Mandela visa oferecer melhores condições de lazer, esporte e cultura para crianças da comunidade

Foto: Reprodução

Na Favela do Mandela, em Manguinhos, Zona Norte da Cidade do Rio, o Projeto Craques do Mandela está buscando recursos para fazer acontecer este momento de atividades culturais e recreativas. A expectativa é atender cerca de 200 crianças da comunidade.

A ausência de atividades voltadas para o público infanto-juvenil da favela é uma grande realidade no Rio de Janeiro. Pois, atualmente, muitos destes jovens moradores estão sem frequentar as aulas por conta de inúmeros fatores. Por isso, estas ações de recreação cultural se tornam ainda mais fundamentais.

Um dos principais motivos – que fez o Craques do Mandela se mobilizar para realizar esta colônia de férias – foi a partir da trágica morte de uma das crianças do projeto. Ela caiu da laje enquanto estava soltando pipa. O projeto, desde então, busca que as crianças do Complexo do Manguinhos tenham direito ao lazer.

“Para nós é muito importante tá promovendo a Colônia de Férias porque as nossas crianças precisam de uma intervenção que não seja violenta e sanguinária como a do Estado. Elas precisam de intervenção artística, esportiva e cultural. Além disso, a semana de férias das crianças na favela significa a favela cheia de criança sem alternativa de lazer. Por isso, a importância da colônia: explorar o lado criativo, levá-las ao zoológico, fazer o cineclube, apresentar o mundo da dança, da luta, da percussão… tudo isso é fundamental para a formação delas. E nós não iremos abrir mão”, afirmou a organização do projeto.

Na busca por doações

Foto: Reprodução

A colônia está prevista para acontecer entre os dias 19 a 30 de julho. Serão duas semanas de atividades culturais e recreativas, com a expectativa de atender cerca de 200 crianças da favela do Mandela, com idade de 4 a 13 anos. Contudo, o projeto busca doações para concretizar a realização:

  • Alimentos (Carne/Frango/Peixe/Ovo/Açúcar/Achocolatado/Leite em pó/Pão/Manteiga/Iogurte/Guaraná Natural/Frutas/Legumes);
  • Água Mineral;
  • Descartáveis (Copos/Pratos/Talheres/Guardanapos);
  • Máscara e Álcool em gel;
  • Brinquedos;
  • Jogos;
  • Materiais de esporte (Bambolê, Corda, Bola, Cone);

É possível também apadrinhar uma criança. Para fazer a inscrição é cobrada uma taxa simbólica de R$ 20,00, o que impossibilita algumas famílias de participarem. Aqueles que desejam ajudar, podem fazer um PIX com a descrição: Colônia de férias – Padrinho ou Madrinha; chave 999888165 – Francisco de Assis Trajano de Oliveira.

As doações podem ser entregues no endereço: Rua Leopoldo Bulhões, 700 – Associação do Mandela 2. Para quaisquer outras informações, basta entrar em contato com o número (21) 99988-8165.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]