Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Projeto Incubadora de Sonhos lança concurso com o foco em valorização dos autores de favela

Para se inscrever, é necessário ser maior de 18 anos, morador do subúrbio, favelas, áreas periféricas ou vulneráveis socialmente
Foto: Divulgação

Àqueles que não conhecem, a Incubadora de Sonhos é um projeto sociocultural de publicação, divulgação e oficinas de novos autores do subúrbio carioca, envolvendo todos os gêneros literários.

Realizado pela Luva Editora desde 2017, o projeto tem como objetivo fomentar novos leitores e autores em regiões de maior vulnerabilidade social. Assim, reduzindo a desigualdade e possibilitando oportunidades, além de promover a leitura como instrumento de emancipação social.

O concurso contará com quatro categorias: Narrativa Longa, Narrativa Curta, Texto Poético e Infantil Ilustrado. E, como de costume, todo o lucro arrecadado com a venda das obras vencedoras será utilizado em um novo ciclo de investimento direcionado para outros novos autores e novos concursos. 

Informações sobre o concurso
Foto: Reprodução

“Para cada livro vendido, o leitor estará fomentando e incentivando jovens muito bons, de muito talento, que ainda não têm espaço no cenário editorial”, diz o sócio-diretor da Luva Editora e criador da Incubadora de Sonhos, Vitor Uchôa.

Para se inscrever, é necessário ser maior de 18 anos, morador de subúrbios, favelas, áreas periféricas ou vulneráveis socialmente. Vale também quem está situado em favelas da Zona Norte (exceto Jardim Guanabara e Alto da Boa Vista) e Zona Oeste (exceto Barra da Tijuca, Recreio e Joá).

O vencedor de cada categoria assinará um contrato com a editora e terá o seu original impresso com tiragem miníma de 100 exemplares. Quanto aos demais vencedores, receberão 50 (cinquenta) exemplares de seu original com frete incluso e todos os vencedores receberão certificado de premiação.

O site para inscrições é este. E, o prazo vai de começou no dia 07 de Janeiro e vai terminar no dia 27 deste mesmo mês. É totalmente gratuito, é válido ressaltar.

Caso precise de mais alguma informação a respeito das inscrições, é só enviar um e-mail para: [email protected]

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]