Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Ação social na UPP Fazendinha do Alemão acontece nesta quarta-feira (19): saiba mais

O projeto RJ para Todos tem como objetivo auxiliar os cariocas em situação maior vulnerabilidade social
Foto: Reprodução/Ceperj
Foto: Reprodução/Ceperj

Nesta quarta-feira (19), na base da UPP Fazendinha, no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio, vai acontecer uma ação do programa RJ para Todos. A iniciativa foi lançada em novembro do ano passado pelo governo do Estado do Rio de Janeiro e tem como finalidade alcançar os cariocas em situação de rua e vulnerabilidade social. 

O projeto tem parceria com a Fundação Ceperj, que coleta dados socioeconômicos da população nessa condição social. Isso porque, este laudo técnico da instituição serve para indicar fatores que levaram as pessoas a esse contexto. E, dessa forma, pode propor indicadores e aperfeiçoamento da gestão de políticas públicas para alcançar essa parte da sociedade.

O RJ para Todos acontece na UPP da Fazendinha, localizada no Teleférico das Palmeira. O horário de início é das 09h às 13h. Contudo, vale ressaltar que somente até às 11h terá distribuição de senhas para os serviços oferecidos.  

Serviços

  • Expedição de carteira de trabalho;
  • Banco de empregos do SINE;
  • Isenção para segunda via de RG;
  • Isenção para segunda via de certidões de nascimento e óbito;
  • Habilitação para casamento;
  • Direitos de consumidor com Procon;
  • Saúde, recreação, beleza e bem estar (aferição de temperatura arterial, teste de glicose, avaliação pediátrica, nutricionista, barbearia, recreação, teste vocacional para estudante).

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]