Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Cidade de Deus tem operação na manhã desta terça-feira (18)

Há registro de três pessoas mortas na incursão policial; população protesta na Rua Edgard Werneck
(Imagem: Reprodução)

Desde 9h40min da manhã desta terça-feira, policiais realizam operação na região conhecida como 13, na comunidade da Cidade de Deus. Conforme relatos de moradores, pelo menos três pessoas foram mortas na região.

Conforme nota oficial da assessoria da Polícia Militar, policiais militares do 18° BPM (Jacarepaguá) realizam uma operação na comunidade. “De acordo com o comando da unidade, até o momento, ainda não há um balanço sobre as prisões e apreensões durante a ação que ainda está em andamento.”

A população realizuou um protesto na Rua Edgard Werneck, a principal via da Cidade de Deus. Moradores se queixam sobre a situação na comunidade, que atravessa um período constante de operações policiais.

https://twitter.com/liviars7/status/1648350085909020675?s=20

O Voz das Comunidades realizou contato também com as secretarias de Educação e Saúde. A Secretaria Municipal de Educação informou que as unidades escolares da região seguem com atendimento normal. Já a Secretaria Estadual informou que as unidades da SEEDUC, na Cidade de Deus, só atendem durante à noite.

A Secretaria Municipal de Saúde informou que a Clínica da Família Lourival Francisco de Oliveira acionou o protocolo de acesso mais seguro e, para segurança de profissionais e usuários, interrompeu o funcionamento nesta terça-feira (18).

**Notícia em Atualização**

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]