Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Marcelo Freixo NÃO colocou seus advogados à disposição de Lázaro Barbosa

A alta frequência de compartilhamentos de materiais enganosos tem sido uma constante nas redes sociais e grupos de compartilhamentos em massa quando o assunto é de interesse público. No início

A alta frequência de compartilhamentos de materiais enganosos tem sido uma constante nas redes sociais e grupos de compartilhamentos em massa quando o assunto é de interesse público. No início da semana passada, em relação às buscas no caso Lázaro Barbosa, mais um conteúdo desinformativo circulou nos meios de comunicação. Agora, com o nome do deputado federal Marcelo Freixo (PSB).

Nas redes sociais e em aplicativos de mensagens instantâneas, circula a imagem de Marcelo Freixo ao lado de uma frase associada ao deputado: “Nossa comitiva de advogados já convenceu o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) de que o Lázaro é uma vítima da perseguição policial aos negros! Ele merece tratamento humanizado”. O conteúdo é uma publicação FALSA. 

Em seu próprio Twitter, o deputado federal posicionou-se a respeito do material enganoso, alegando que o foco atual de sua gestão é defender o Brasil contra as políticas do presidente Jair Messias Bolsonaro. 

Em seu perfil no Twitter, Freixo desmente os materiais enganosos.
Foto: Reprodução.

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]