É VERDADE que Faetec Quintino recebeu mamógrafo móvel

A mensagem que circula nas redes sobre o Mamógrafo Móvel da Faetec Quintino é verdadeira! Desde a última terça-feira (18), a Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), em parceria

É VERDADE que Faetec Quintino recebeu mamógrafo móvel

A mensagem que circula nas redes sobre o Mamógrafo Móvel da Faetec Quintino é verdadeira! Desde a última terça-feira (18), a Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde atua uma ação preventiva em prol da saúde da mulher. O Mamógrafo Móvel da Faetec Quintino realiza exames de mamografia e ultrassonografia para a população.

Os exames de ultrassonografia são oferecidos nas modalidades mamária, transvaginal, pélvica, tireoide, tireoide com doppler e transvaginal com doppler. Para a realização dos exames, é preciso apresentar cópia dos documentos: RG, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e comprovante de residência. Além destes, é imprescindível apresentar o pedido médico.

Com o objetivo de oferecer o diagnóstico precoce de câncer de mama, o Mamógrafo Móvel está em atividades desde 2013 e realiza exames de ultrassonografia e mamografia em pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

São realizados 80 exames de ultrassonografia e 70 mamografias por dia. Os resultados dos exames de ultrassonografia serão entregues na hora. Já os resultados de mamografia são entregues após dez dias úteis, no Centro Estadual de Diagnóstico por Imagem – Rio Imagem (Avenida Presidente Vargas, 1733, no Centro do Rio)

Para ultrassonografia mamária, é necessária a apresentação do resultado da última mamografia, feita em menos de um ano, para pacientes a partir de 40 anos. E, para realizar o exame de mamografia, é preciso levar o laudo da última mamografia e ultrassonografia.

Serviço

Dias: de 18/04 a 28/04 (nos dias de semana, exceto feriado)
Horário: das 8h às 17h
Local: Rua Clarimundo de Melo, 847

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]