Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Pais denunciam a falta de professores na Escola Municipal Rubens Berardo, no Complexo do Alemão

Há, pelo menos 3 meses, alunos de turma estão sem professores
Foto: Rildo Rielle / Voz das Comunidades

Os responsáveis dos alunos da turma 1504, da Escola Municipal Rubens Berardo, alegam que não há aulas por falta de professores. A escola fica na Av. Itaóca, no Complexo do Alemão, Zona Norte do Rio. Além disso, Deborah Theodozio, mãe de uma aluna, conta que ao participar da reunião dos responsáveis, “foi informado que a professora responsável pela turma 1504 estaria na coordenação pedagógica a partir do 2º bimestre. Houve uma troca de direção, no primeiro bimestre. A professora estava deixando a turma, e ela foi convidada para ser coordenadora pedagógica. Ela havia comunicado ao diretor, mas estaria dando assistência a turma.”

Segundo informações de Deborah, os alunos da turma estão com apenas 3 disciplinas na grade: “Minha filha só tem aula de educação física, geografia e inglês. E como eles ficam em tempos livres, eles ficam no pátio sem supervisão. Não tem como a coordenadora dá atenção a uma turma exclusivamente”, indignada a mãe relata a deficiência do ensino na escola municipal.

A falta de aula impacta diretamente no desempenho dos alunos. Deborah relatou que a escola alega que a turma é problemática e que professores abandonam os alunos. “Dos 30 alunos, 27 estão com R.I (rendimento insuficiente) e isso, com certeza deve ser da falta de aulas”, confirma a mãe depois de ter assistido a reunião de pais do colégio.

Além disso, a mãe questionou sobre a falta de resolução das instituições responsáveis: “O próprio diretor falou que a Escola está com poucos funcionários. Eu já procurei a SME (Secretaria Municipal de Educação), eles pediram para eu ir na CRE (Coordenadoria Regional da Educação) e nada foi resolvido desde então. Pediram para mudar a minha filha de escola, mas e os outros 29 alunos lá?”

Procurada pelo Voz das Comunidades, a Assessoria da Secretaria Municipal de Educação, informou em nota que “que a turma está sendo atendida pela Coordenadora Pedagógica.” Sobre a falta de professores na unidade escolar, nada foi respondido.

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]