Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Município do Rio lança edital com R$ 25 milhões para projetos culturais

As inscrições foram abertas no último dia 14 e vão até dia 31 de janeiro de 2024
Foto: Selma Souza / Voz das Comunidades

Na última quinta-feira (14) foi lançado o edital Linguagem, do Pró-Carioca, programa com recursos da Política Nacional Aldir Blanc de Fomento à Cultura (PNAB). O valor total do edital é de R$ 25 milhões, contemplando pelo menos 162 projetos culturais. O Rio é a primeira cidade do país a lançar um edital com recursos da Política Nacional de Atenção Básica. O valor total do edital é de R$ 25 milhões, contemplando pelo menos 162 projetos culturais.

A iniciativa é da Secretaria Municipal de Cultura do Rio. Serão selecionados projetos desenvolvidos em dez categorias: Cultura Urbana e Arte Pública; Artes Visuais; Cultura e Infância; Cultura Popular e Patrimônio Imaterial; Dança;  Circo;  Literatura  e  Publicações  Cariocas; Música; Teatro e Mostras, Festivais  &  Multilinguagens.  As  propostas serão julgadas por uma comissão formada por representantes da Secretaria e da sociedade civil.

Os projetos culturais podem concorrer nos seguintes formatos: formação e pesquisa  (aperfeiçoamento  e  formação de saberes como oficinas, seminários e Workshops) e produção e circulação (produção, circulação e realização de obra inédita ou não). Podem participar pessoas físicas (no formato “formação e pesquisa”) e jurídicas, incluindo MEIs (nos dois formatos).

As incrições foram abertas no dia 14 e vão até o dia 31 de janeiro de 2024. Para mais informações basta acessar o link https://www.cultura.prefeitura.rio/

Compartilhe este post com seus amigos

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp

Veja também

EDITORIAS

PERFIL

Rene Silva

Fundou o jornal Voz das Comunidades no Complexo do Alemão aos 11 anos de idade, um dos maiores veículos de comunicação das favelas cariocas. Trabalhou como roteirista em “Malhação Conectados” em 2011, na novela Salve Jorge em 2012, um dos brasileiros importantes no carregamento da tocha olímpica de Londres 2012, e em 2013 foi consultor do programa Esquenta. Palestrou em Harvard em 2013, contando a experiência de usar o twitter como plataforma de comunicação entre a favela e o poder público. Recebeu o Prêmio Mundial da Juventude, na Índia. Recentemente, foi nomeado como 1 dos 100 negros mais influentes do mundo, pelo trabalho desenvolvido no Brasil, Forbes under 30 e carioca do ano 2020. Diretor e captador de recursos da ONG.

 

 

Contato:
[email protected]